Se você já trabalhou bastante e contribui para o INSS durante o tempo de serviço, chegou a hora de requerer o seu direito.

Tempo cumprido, corra atrás da aposentadoria por idade. (Foto: Divulgação)

Tempo cumprido, corra atrás da aposentadoria por idade (Foto: Divulgação).

A Previdência Social classifica separadamente os trabalhadores rurais e urbanos, portanto, para cada categoria existe uma regra referente a idade mínima para gozar da aposentadoria por idade. Fique ligado e entenda como funciona.

Trabalhadores Rurais

Homens

Os homens que trabalham no campo pode realizar o pedido de aposentadoria por idade a partir dos 60 anos.

Mulheres

No caso delas é possível requerer o benefício com 55 anos.

Trabalhadores Urbanos

Homens

Para aqueles que trabalham na cidade a idade mínima é de 65 anos.

Mulheres

Essas podem solicitar junto à Previdência Social quando chegarem aos 60 anos.

Carência para Recebimento da Aposentadoria por Idade

Exige- se que os trabalhadores tenham um tempo mínimo de contribuição, mas conforme o Ministério da Previdência informa existe diferença entre os contribuintes que foram filiados até 24 de julho de 1991e os que foram filiados a partir dessa data, ou seja, em 25 de julho de 1991.

Os primeiros devem seguir os números contidos abaixo:

Ano de implementação das condições

Meses de contribuição exigidos

1991 60
1992 60
1993 66
1994 72
1995 78
1996 90
1997 96
1998 102
1999 108
2000 114
2001 120
2002 126
2003 132
2004 138
2005 144
2006 150
2007 156
2008 162
2009 168
2010 174
2011 180

Os segundos devem comprovar de forma documental 180 meses de contribuição, tenham eles trabalhado no centro urbano ou rural.

Como Solicitar o Benefício

É muito fácil, pois o INSS disponibiliza três canais de contato para agendar uma visita que servirá para realizar a solicitação da aposentadoria, são eles: O telefone 135; o portal da Previdência Social (http://www.mpas.gov.br/); o indivíduo pode se dirigir até uma das agências.

Obs.: No dia de comparecer ao atendimento que fora agendado, carregue com você: 1 – o Número de Identificação do Trabalhador (PIS/PASEP ou número de inscrição do contribuinte individual/facultativo/empregado doméstico); 2 – RG; 3 – CPF.

PéssimoRuimRazoávelBomÓtimo (1 Votos, média: 5,00 fora de 5)
Loading...

Veja Mais Notícias

 
 
 
 
Noteaqui.com © 2010-2017. Todos os direitos reservados